segunda-feira, 26 de março de 2007

Ponte que mete água

Com quase um quilómetro de comprimento e 32 metros de largura, a ponte de Magdeburg (Alemanha) é um dos lugares que temos de olhar vezes sem conta, para nos convercermos de que realmente existe. Como diriam os nossos ministros, trata-se de um equipamento fluvial de enorme relevância e impacto.
Com seus 918 metros de comprimento, a ponte-canal é tida como obra dos superlativos e um primor da engenharia, tendo consumido 68 mil metros cúbicos de concreto e 24 mil toneladas de aço. Comporta 132 mil toneladas de água em sua calha de 34 metros de largura e 4,25 metros de profundidade e deve resistir mesmo a terremotos (dizem os artistas de lá!!).
Inaugurada em Outubro de 2003, esta ponte cruza o Rio Elba e permite o trafego de embarcações fluviais entre dois dos maiores canais da Alemanha. Orçada em mais de 500 millones de euros e seis anos de trabalho, permitiram esta obra de invulgar beleza. (Clique nas imagens para ampliar)










2 comentários:

flying disse...

Dá ordens para fazer uma para a Torreira.

Anónimo disse...

E já agora corrige concreto...É, em português betão. "Misturado" com ferro dá betão armado !
"Em sua calha..." é na sua calha.
Calhou reparar nisto.

Cumprimentos

Crisostomo naval